Seguidores

domingo, 7 de junho de 2015

Chuva de Paz - Experimental Enlaces Disticus

Estilo Experimental criado pela poetisa Aila Brito















O silêncio é o brado da paz,
Queda a ironia mordaz.
O grito é a explosão da alma,
E se não houver muita calma,
A guerra ecoa mundo afora.
Diante da contenda, é a hora
De desistir de qualquer agressão.
A Ira fere alma e o coração
E qualquer que seja
A ação benfazeja...

Agressor e agredido sente-se incapaz.
E então surge uma chuva de paz.

dinapoetisadapaz

 

3 comentários:

  1. Boa tarde, querida Diná!
    Parabéns pelos belos versos.
    Como é necessário às vezes o silêncio, para aquietar nossa alma.
    Um abraço, amiga!
    Neneca

    ResponderExcluir
  2. Amiga, ando tão atarefada pegada fazendo o TCC. Final de curso.
    Fugindo um pouco, para aliviar a mente.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Diná querida
    Obrigada pela participação no Frase Fofura.
    Infelizmente não consegui achar a sua frase.
    Adorei os seus belos versos!
    Um beijinho carinhoso de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir

Seu comentário será bem vindo, deixe suas impressões ,sua visita será retribuída com carinho.

Bom dia, Boa tarde, Boa noite!