Seguidores

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Contidos



Alma e coração sedentos, sôfregos
É hora que o corpo pede aconchego
Procuro pelo conforto dos teus braços
Para acalmar o corporal desassossego

Sinto que passeias por minha geografia
Entre os aclives e declives do meu corpo
Derramas tuas doces carícias e magia
E em pensamento voamos ao topo

Todo o teu amor expresso em versos
Faz-me orgulhosa em ser musa e amante
Deleito-me! Meu coração fica em festa

Faço-me menina, faço arte e faço versos
Caminho pelo teu coração e vou avante
E contidos um n'outro em pele e versos.

dinapoetisadapaz



Brincando com a Chica nº 13



Botando a cabeça para funcionar...(13)



Uma  flor não fala, mas pela singeleza que seus movimentos expressa, toca nosso olhar e nos remete à reflexão ,  e é justo externar o sentimento que a imagem passa aos nossos olhos.

dinapoetisadapaz


 http://chicabrincadepoesia.blogspot.com.br/