Seguidores

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Namorar



Namorar nos dias atuais é coisa brega.
“Ficar” é modismo no cotidiano do jovem.
Competição, banalização e entrega
São os valores que agradam o bicho homem.

As meninas trocaram seus trajes
Perderam o romantismo e o respeito
Não existe mais o afeto, é só ultraje
E delas, eles tiram o bom proveito

Como era gostoso:
a espera no portão,
o descompassar do coração,
o suor frio na mão,
o desejo contido de beijar,
um beijo apressado,
aquele abracinho quase malicioso!
E a espera do reencontro...

dinapoetisadapaz

Vida que Segue



                  Vida que segue e gira como moinho
Sigo pelos atalhos tímida como a lua
Não faço projeções para o novo caminho
O vento é traiçoeiro e eu sou ingênua

Vida que segue com suas gradações
E os novos ares chegam como crisol
Dourados sonhos e múltiplas interpretações
Povoam meu ego... Vibro como a nota “sol”

Vida que segue, fecha sulcos e abre aspas.
Dos pedaços tirados de mim, dos espasmos
Restou o véu que recobre todas as marcas
Dessa vida farta de encantos e sarcasmos

Vida que segue entre derrotas e vitórias
E que não me falte força para continuar
O correr riscos pela vida a fora
Inda tenho muito a fazer; não posso parar!


dinapoetisadapaz