Seguidores

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Infinito Tempo

             Em homenagem ao dia do Silêncio (07 de maio)


O tempo é infinito, o dia é efêmero como o meu viver, as noites são solidão, tudo me rodeia, não sou porto seguro, sou fragmento do tempo em forma de sombra, não sou abrigo nem deleite, trago em mim o frio cortante das noite invernais , silêncio gritante entre as pedras escorregadias revestidas do musgo que camufla minha existência...

                            dinapoetisadapaz

4 comentários:

  1. Um silêncio reconfortante cheio de sentires querida amiga, desejo-lhe uma semana muito feliz beijinhos no coração felicidades

    ResponderExcluir
  2. Recolher-se ao silêncio é sabedoria, pois há a oportunidade de reflexão, olhar-se e realimentar o espírito. Abraços carinhosos e uma semana produtiva!
    Lúcia Silva

    ResponderExcluir
  3. Maravilhoso texto e homenagem! bjs, chica

    ResponderExcluir
  4. O silêncio sempre será uma voz amiga tentando, em seu formato, nos ensinar.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir

Seu comentário será bem vindo, deixe suas impressões ,sua visita será retribuída com carinho.

Bom dia, Boa tarde, Boa noite!