Seguidores

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Medo


A noite era fria,
Garoa intensa
Clima um tanto sinistro...
Esgueirava-se aquela sombra,
Sei lá por onde... Que sombra?
Não vejo sombra!!
Minh’ alma vestiu-se de medo
O corpo trêmulo
Olhos esbugalhados...eu temente...
Enregelada, quase sem vida.
Essa profusão de alucinações
A engolir o escarlate do meu sangue,
deixou-me inerte...
E ao nascer do dia, com
os raios multicores do sol
senti-me viva outra vez!
Oh Deus! Tudo não passou de espúrio!
O que a mente não faz?
O medo é a medida do pensar!


23 comentários:

  1. Nossa mente cria medos incríveis... Que coisa! Linda poesia! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Olá Diná! Passando para agradecer a tua visita e teu amável comentário com tão bela mensagem de felicitações e carinho quando da passagem do meu aniversário e dos meus dois filhos. Muito obrigado de coração.

    Quanto ao post, adorei! A presença de DEUS neutraliza o medo. belo poema.

    Abraços,

    Furtado

    ResponderExcluir
  3. Olá, querida amiga Diná!
    O medo paralisa e me fez ficar na toca anos a fio mas Deus nos faz superar o tal ladrão da nossa energia...
    Amei o jogo de palavras refinadas!
    Seja feliz e abençoada!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. O poder da mente nos castiga sempre que apodera de nós ,um riquíssimo momento querida amiga ,muitos beijinhos abençoada semana .

    ResponderExcluir
  5. Realmente deixamos de fazer muitas coisas por causa do medo, mas temos que vencê-lo, para não nos tornarmos escravos dele.
    Ótima poesia.
    Grande beijo

    ResponderExcluir
  6. O medo nos ´poda de viver coisas boas e belas! bjsss

    ResponderExcluir
  7. O medo nos paralisa e pode nos trazer alucinações
    Mas é preciso vencê-lo pois ele está no nosso subconsciente e nada tem de real ou verdadeiro. Um poema muito forte e bonito Diná
    Um abraço

    ResponderExcluir
  8. Medo até os pequeninos sentem
    Bem vc expressou em sua poesia. Ele nos paralisa. Mas Tmb as vezes serve como nossa defesa. Bjs querida

    ResponderExcluir
  9. Um medo vencido por tão belo poema!!!
    Adorei!!!bj

    ResponderExcluir
  10. Amigos são como as estrelas no céu. Eles são mais claros nos tempos de escuridão e quando a amizade perdura suportando a distância.
    E porque não dizer, podemos chamar de amigos, os virtuais que vence a distância para nos visitar e trazer um elogio, uma palavra amiga, um abraço... E como é maravilhoso! Quantas vezes senti que não estava só lendo seu comentário. Obrigada por sua amizade, que Jesus lhe proteja sempre e se estenda a sua família.
    Abraços da amiga Lourdes Duarte.

    ResponderExcluir
  11. O medo é nosso algoz e ganha uma dimensão colossal quando não é vencido. Um poema belíssimo querida Diná
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. O medo é dos sentimentos mais terríveis que consigo imaginar.

    ResponderExcluir
  13. Olá, o medo é um sentimento que dispara e que nos causa problemas, todas as pessoas sentem o medo, o poema é fantástico.
    Continuação de boa semana,
    AG

    ResponderExcluir
  14. O medo é um paradoxo... se nos protege, também nos inibe. Parabéns pelo poema.

    ResponderExcluir
  15. Boa noite amigos,coletivamente agradeço a todos que por aqui passaram, a visita e comentários alusivos ao poema Medo, é esse carinho que enche meu core de alegria e incentivo. Gratidão a todos vcs queridos amigos e (as).
    Que tenham uma feliz noite.
    Paz e Bem!

    Chica,
    Rosemildo,
    Rosélia,
    Emanuel,
    Jack
    Lena Lima,
    Gegê,
    Nal Pontes,
    Gracinha,
    Lourdes Duarte,
    Gracita,
    Pedro Coimbra,
    AG,
    Carlos

    ResponderExcluir
  16. Olá Diná,
    Belo poema. Quando nos rendemos ao medo ele se torna real até que depois de muito angustia descobrimos a mera ilusão. Fantástica!

    Abraço.

    Wellington Maia

    ResponderExcluir
  17. Uma linda poesia que fala do medo da noite com maestria. Parabéns amiga! Abraços, fica na paz de Deus.

    ResponderExcluir
  18. Uma bela forma de descrever o medo. Linda poesia! Tenha uma tarde feliz. Abraços

    ResponderExcluir
  19. Ótima partilha que tem como ponto máximo nossos medos, pois todos temos medo, sejam grandes ou pequenos, mas temos e precisamos deles nos desvencilhar para sermos felizes.
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  20. O medo pode operar grandes transformações no ser humano.
    Magnífico poema, gostei muito.
    Bom resto de semana, amiga Diná.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  21. Aos amigos e migas:

    Wellington Maia,
    Genilda Maria,
    Elza Interaminense,
    a irmã nordestina Lucia Silva
    Jaime Portela
    Gratidão pela visita , leitura e apreciação aos meus versos. Vcs são meu melhor incentivo!

    Bjss!

    ResponderExcluir
  22. Dizer que o medo é irracional é fácil amiga, mas ninguém pode determinar os limites de criação de nossa mente. O medo anda a galope na mente, que por instante se desgarra de nós.
    Belo trabalho querida amiga.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Toninho, há que se ter força para não deixar crescer, a imaginação é capaz de tudo!
      Lindo seu comentário. amei!
      Bjão no core!

      Excluir



Seu comentário será bem vindo, deixe suas impressões , sua crítica, desde que não ofensiva me servirá de aprendizado e contribuição para melhora do meu trabalho poético.

Sua visita será retribuída com carinho.
Que Deus abençoe seu dia, sua tarde, sua noite!

Bom dia, Boa tarde, Boa noite!