Seguidores

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Coração Indomável


Era imenso é o desejo febril
Ardente e incontrolável
E de modo nada sutil.
Paixão avassaladora, incoercível
Do nada, murchou, tornou-se débil.

Nevou na minha febre
A razão se fez muro
Promoveu o alquebre
Meu coração inseguro
Congelou o deslumbre

Fico assim contida
Querendo sem querer
Em parco momento te ver
Amenizar a saudade bandida
Sem pensar na despedida

O que já foi um grande amor
É hoje  um novo contexto,
Se o passado não podemos recompor
Mas, para te ver arruumo qualquer pretexto

Um amor inesquecível
Que nem o tempo apagou
Para um coração indomável
Que loucamente  amou
Um momento feliz, é indispensável!!



dinapoetisadapaz

8 comentários:

  1. Um amor forte e inesquecível.Bela inspiração! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Poema muito bom. Parabéns. :))

    Hoje: O meu sentimento não morreu.

    Bjos
    Votos de um óptima Segunda- Feira

    ResponderExcluir
  3. Boa Tarde, querida amiga Diná!
    Poema sentido, curtido na dor.
    Tenha dias felizes e abençoados junto aos seus amados!
    Bjm Bjm fraterno e carinhoso de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. Majestoso poema, cheio de sensibilidade e emoção.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Amar intensamente é um privilégio que poucos podem dizer que usufruem.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Que lindo Diná!!
    Mais que de amar, tenho saudade das inspirações que o amor me causava.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  7. O amor... sempre uma inesgotável fonte de inspiração... para todos os escritores e poetas...
    Gostei imenso, deste belíssimo momento poético!
    Beijinho, Diná! Até breve!
    Ana

    ResponderExcluir



Seu comentário será bem vindo, deixe suas impressões , sua crítica, desde que não ofensiva me servirá de aprendizado e contribuição para melhora do meu trabalho poético.

Sua visita será retribuída com carinho.
Que Deus abençoe seu dia, sua tarde, sua noite!

Bom dia, Boa tarde, Boa noite!